Encauchados de vegetais cria novo ciclo de borracha na Amazônia

Foto: Estefanie Emiliano

Foto: Estefanie Emiliano

A Amazônia é de grande importância para todos os seres humanos, considerada o pulmão do mundo é cobiçada por muitos países, e contribui para garantir a estabilidade do planeta.

Ela abriga uma imensa diversidade de espécies, conta com uma natureza incomparável, também abriga vários povos indígenas. Na Amazônia temos tudo, clima bom, solo perfeito, fauna e flora, tudo funcionando em extrema harmonia e perfeição.

A criatividade do povo da Amazônia ampliou a transformação do látex para a produção de objetos de decoração, artesanato, utilitários, objetos de uso pessoal, tecidos ecológicos e encauchados de vegetais. Não só a borracha, como outros produtos florestais, são fundamentais para integrar a conservação e o uso sustentável dos ecossistemas ao desenvolvimento econômico do país.

A difusão do uso da borracha natural, especialmente aquela proveniente do extrativismo amazônico, atrelada ao uso da arte como forma de expressão, é um artifício poderoso para a sensibilização do público a respeito da importância da manutenção das florestas e da garantia dos serviços ambientais que elas fornecem para o planeta como, por exemplo, a regulação do regime hídrico e o do clima.

Saco encauchado Kaxinawa

Saco encauchado Kaxinawa

O mundo da economia criativa seja moda e movelaria,entre outros, exige que os produtos tenham cada vez mais criatividade, qualidade e originalidade. Os encauchados de vegetais da Amazônia é um exemplo que atende a esta demanda. Com o aumento da preocupação ambiental, as pessoas se mobilizaram e procuraram alternativas sustentáveis para o seu dia a dia, a fim de não degradar o meio ambiente.

Com um mercado nacional crescente, e com abertura para o mercado externo, a experiência trouxe bons resultados, é um material de boa qualidade e internacionalmente reconhecido como um produto ecologicamente inócuo.

A comercialização dos produtos confeccionados a partir do encauchado, se tornou um motivo de esperança para a melhoria da vida dos seringueiros, e o desenvolvimento sustentável da Amazônia, o projeto é tido como uma das maiores inovações de moda e sustentabilidade, atraindo a atenção de grandes instituições que investiram no aperfeiçoamento da técnica com pesquisas, estudos e testes.

Encauchados Kaxinawa

Encauchados Kaxinawa

A produção sustentável da borracha para a confecção de artesanato, encauchado e outros produtos que une design e sustentabilidade, atraem o interesse de indústrias do mundo todo. O incentivo das instituições brasileiras na exploração sustentável do látex tem levado a um aumento da renda das comunidades de seringueiros do norte do Brasil. Produtos feitos com encauchado vestem e adornam pessoas de todas as classes sociais, conquistando espaço, não só pela boa aceitação, mas também porque a indústria do setor cada vez mais descobre maneiras de melhorar os designs e a
qualidade da matéria-prima.

A grande dimensão social e ecológica do uso do encauchado de vegetais pode ser avaliada na medida em que incentiva o manejo sustentado da floresta, e cria uma alternativa para tornar viável a exploração do látex que hoje, justamente por causa da nova realidade, motiva a presença de seringueiros na mata, embora em número muito menor do que em outras épocas, mas com melhores condições de vida.

Por: Edna Pessanha

Acesse e leia reportagem completa:
Revista Documenta Press
www.documentapress.org